Últimas Imagens

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Aniversário #1 - SP Nas Estradas



Nesse dia 21 de Abril a Scooteria Paulista completou um ano de vida. Um ano de dedicação. Um ano de amizade e fidelidade entre scooteristas. Foram doze meses de um trabalho diferente, voltado ao resgate, manutenção e difusão da cultura scooter. Mais do que a paixão pelas Vespas e Lambrettas a nossa motivação é o asfalto, e daí vem o sentido do termo “scooterismo”, que diz respeito à atitude do(a) piloto(a). Acima de todas as vistas grossas já feitas sobre o uso da palavra ou sobre o modo como a praticamos, fato é que aquilo que falamos, fizemos: você, ele, ela e eu.


But I’m substitute for another guy
I look pretty tall but my heels are high
The simple things you see are all complicated
I look pretty young, but I’m just back-dated


E por falar das estradas, podemos dizer que fechamos o ano 1 e inauguramos o ano 2 em alta quilometragem até Monte Alegre do Sul (SP) - fato que contarei nos próximos dias. Agradeço de antemão ao lambreteiro – parceiro de Pedreira - J.R. Marmirolli pelo souvenir de aniversário, uma atitude valorosa de alguém que acompanha-nos desde o nosso primeiro dia, quando oficializamos o início dos projeto s naquela tarde no alto da Mooca, em São Paulo.


Get your motor running
Head out on the highway
Lookin' for adventure
In whatever comes our way

Como essa postagem é dedicada aos giros de estradas, segue abaixo a lista das estradas e rodovias que percorremos nesses dozes meses. E diga-se de passagem que incluo tanto as rodovias utilizadas nos encontros, como também aquelas pelas quais nos deslocamos individualmente em prol de algum trabalho relacionado à SP. Sempre em cima de uma Vespa ou Lambretta:


**SP: Rodovia dos Bandeirantes, Rod.Anhanguera, Rod. Anchieta,Rod. dos Imigrantes, Rod. Fernão Dias, Rod. Castelo Branco, Rod. Dom Pedro I, Rod. Regis Bittencourt, Rod Sebastião Ferraz de Camargo Penteado, Rod. Prof.Francisco da Silva Pontes, Rod. João Leme dos Santos, Rod. dos Tamoios, Rod. Rio-Santos, Rod. Pedro Astenori Marigliani, Estrada Fazenda Velha, Estada MAS-020, Estrada MAS-287, Rod. Presidente Dutra, Rod. Vito Ardito, Estrada dos Romeiros, Rod. Piaçaguera-Guarujá, Rod.Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, Rod. Prof.Hélio Steffen, Rod.Eng. Ermênio de Oliveira Penteado, Rod. Dep. Archimedes Lammoglia, Rod. Sen. José Ermirio de Moraes, Rod. Carvalho Pinto, Rod. Santos Dumont, Rod. Nestor Fogaça, Rod. Octávio de Oliveira Santos, Rod. Eng. Constâncio Cintra...etc.


**PR: Regis Bittencourt, Estrada da Graciosa, BR-476.


Tenho esperança de que a nossa filosofia e postura tenha revelado um outro ponto de vista das coisas. Noto que nesse primeiro ano o conceito saiu do conceito e foi para as ruas e rodovias, que uma fraternidade se estabeleceu, e que as barreiras de relacionamento entre nós, proprietários e pilotos de Vespas e Lambrettas de SP, vem caindo por terra a cada peneirada. Sabemos que o ciúmes e a cobiça também não resistiu e se apresentou à cena. E que as culpas e desculpas sobre “pilotar ou não pilotar” não convencem mais. Todavia isso é café pequeno e deve ser deixado de lado. Nos próximos dias citarei nomes e exemplos locais que comprovam que scooterismo é um consenso que nasceu para ser um gratificante e permanente estilo de vida.

So remember, out there somewhere
You've got a friend, and you'll never walk alone again

10 comentários:

Scooteria Paulista disse...

Fotos e texto de Marcio Fidelis

Anderson disse...

Parabéns Fidelis e Scooteria. Pra falar a verdade, ambos são um só.
Anderson

Marcio Fidelis disse...

Obrigado meu amigo. A Scooteria é cosa nostra. É o coletivo abrindo enquanto o tempo fecha...rs. to te enviando email...

Anônimo disse...

Fidelis, parabéns pelo aniversário da Scooteria. Pena que não deu para irmos, mas não vão faltar oportunidades de outras viagens!
Beijos e abraços, Cris e Koré

Gustavo disse...

E que venham muitos anos!

Scooteria Paulista disse...

oi cris, eu tava ligado. o koré passou na oficina e falou q vcs iam pra Poços de Caldas. nao esquenta, logo mais tem festinha em Sao Paulo. fim de semana to ai pra ver isso... abracos .valeu por esse ano de amizade e estrada. o mesmo para o gustavo, outro scooterista que vestiu a camisa da classe e logo mais vai colar nos giros conosco. abracos, e valeu total pela valorizacao e amizade.

Rosa disse...

Parabéns à Scooteria e aos idealizadores. Foi uma grande motivação para eu voltar a adquirir uma Vespa PX há alguns meses e logo ter a emoção de andar em Interlagos e pelas rodovias. Eu também tenho moto e nenhuma viagem ou encontro é tão divertido e emocionante como os da scooteria! Ser vespista é um estilo, uma atitude, e a scooteria abraça estes conceitos da melhor maneira. Long live Scooteria!!

Bovver disse...

Parabens Márcio e as outros scooteristas "membros" do Scooteria Paulista.

Acopanho o site desde o inicio e me animo cada vez que vejo as fotos e os relatos postados aqui.

Espero que possa um dia acompanha-lós em viagem, ou ida a algum bar para tomarmos uma boa cerveja e falar sobre VESPA.

Abs.

Anônimo disse...

Oi Rosa muito obrigado pelas palavras, pela dedicação no "vídeo-clip de interlagos" e outros vídeos. você veio e somou conosco, vestiu a camisa porque tem estilo de vida e está disposta a se divertir. o restante flui naturalmente. que venham muitos giros e idéias pra próxima fase. um grande abraco. Fidelis

Leo_Dueñas disse...

Felicitações scooteristas paulistas pelo primeiro ano da S.P.! Vocês rodam muito, independentemente de recursos, e encarnam esse estilo de vida levando a cultura scooter adiante.

Em off o meu blog Motonetas e Afins completou um aninho no mesmo mês que a S.P. A partir dele conheci o idealizador Fidelis, que fez questão de me encontrar pessoalmente em Sampa no Páteo do Colégio e me deu um apoio danado para ir ao Curitiba em Vespa 2010.

Da Scooteria Paulista espero muito do futuro, mas também o revelar de um passado recente de scooteristas guerreiros, ainda desconhecido da maioria.

Abraço,
Leo
http://motonetaseafins.blogspot.com/