Últimas Imagens

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Considerações sobre os Scooteristas em Interlagos

No último domingo de 16 de janeiro tivemos e proporcionamos aos scooteristas paulistas o privilégio de pilotarem no consagrado Autódromo de Interlagos. Foram 4 voltas de pista livre, num total de 30kms percorridos. Gloriosos, inauguramos assim o ano de 2011, 20 anos depois daquela inesquecível vitória do Ayrton Senna em casa. O desafio do dia foi o próprio dia. Era quase 11h quando o comboio de 50 motonetas clássicas partiu do Largo do Arouche com destino à zona sul de São Paulo.




Entre a 23 de Maio e a Avenida Interlagos cerca de 5 motonetas apresentaram algum problema. Tudo foi resolvido pelas calçadas, com exceção de uma Lambretta LD, que parou de vez a 500 metros do Autódromo, levando o Geraldo e seu triciclo Lambretta ao socorro do senhor que não voltou. Em grande estilo entramos pelo portão principal, e muro adentro tivemos acesso total às arquibancadas e aos boxes das equipes de moto-velocidade. De imediato distribuímos as credenciais e os adesivos pelas mãos do Anderson Ballet, quem vem espontaneamente fortalecendo a administração da Scooteria ao lado dos amigos conhecidos no asfalto.





Nosso giro estava previsto para antes da largada das 500 Milhas - que se deu às 13h -, mas nesse ano a prova atrasou devido aos problemas internos, e também aos acidentes ocorridos com as motos durante as competições da manhã. Então uma longa jornada de espera atrás dos boxes começaria, e por 7 horas esperamos como crianças pelo término das 185 voltas da competição principal. Eu havia alertado a todos dessa pequena possibilidade (por email, na comunidade e pelo Twitter), mas sinceramente não acreditávamos mesmo nela. E a excessão virou regra. Por volta das 16h30 conseguimos, junto ao diretor do autódromo, o box 20, de onde pudemos curtir de perto o empenho das equipes de moto-velocidade e acompanhar o trabalho dos "homens grandes" - placas, bandeiras, rádios, mecânicos, médicos, administração, merchandising, troca de pilotos etc. Estávamos em cerca de 30 motonetas ainda, e quando passamos das 18h a impaciência foi batendo, junto ao cansaço geral, nervosismo, ansiedade e fome. A diretoria do evento especulava um horário-limite para o fim da prova que contradizia a previsão dos mecânicos das equipes. Passava das 19h quando o painel marcou 18 voltas para o fim. Foi uma eternidade. E como que renascidos e revigorados, esperamos ansiosos o aval do diretor da prova para a largada do CIRCUITO DAS MOTONETAS DE INTERLAGOS 2011...




Durante as 4 eternas voltas a alegria era geral e contagiante. Algo indescritível para a literatura scooterista. Todos alucinavam. Além das duas scootergirls presentes no evento (Rosa e Bruna), outras duas garotas trocaram de posição com seus namorados e assumiram o guidão das Vespas. Não entendi nada quando vi a Gisele freando com o Daniel Turiani na garupa hauahuaha. Um delírio coletivo!! Para mim, além do sucesso do passeio, o gratificante mesmo foi o sorriso estampado de orelha a orelha no rosto de todos. De fato Interlagos é mágico, o chão riscado da borracha dos pneus, a aerodinâmica entre as curvas e os desníveis do asfalto fazem de qualquer motor o melhor motor do mundo, e de qualquer piloto o mais arrojado. Para mim a imagem eterna desse passeio aconteceu na terceira volta, quando a última luz do dia havia se posto no horizonte, e sozinho com minha Originale 150, na escuridão da Reta Oposta, parei e tirei meu capacete para ouvir os motorinos zunirem como insetos, e em todos os pontos da pista que eu olhava havia um farol aceso em movimento, como vagalumes na alta noite. Como a gente consegue isso? Fica a máxima do nosso amigo Tiago Braga: "É que nós somos especiais".

Obrigado a todos os scooteristas presentes durante esse longo dia. Um abraço especial ao amigo Reginaldo e à Free Willy Moto Peças, que nos envolveu de cabeça nesse projeto, dividindo conosco a tarefa de gerenciar o sonho do scooterista paulista. Agora realizado! E que venha o III São AniveSPaulo - O Giro pelo Futebol Paulista (25.Janeiro, das 8h30 às 13h30).


Texto e fotos creditados na caixa de comentários.

4 comentários:

Scooteria Paulista disse...

Fotos Maiores:
1 3 4 e 6 de Walter Vespaparazzi.
2 de Marcelo site Damas Aladas.
5 de Gisele Leiva.
.
Fotos Menores:
1 2 e 6 de Marcelo site Damas Aladas.
3 e 4 de Anderson Ballet.
5 de Walter Vespaparazzi
7 de Gisele Leiva.

Texto de Marcio Fidelis

Luciano disse...

este da foto sou eu erguendo o braço agradecendo a Deus pela Oportunidade

Gustavo disse...

Parabéns, pessoal. Muito bonitas as fotos.

Abs.

Antonio disse...

E vcs aceitam membros com LML Star 4 tempos?